30
abr
09

Guitar Hero e a Revolução dos Games

Guitar Hero

Nos últimos tempos, muitas pessoas vêm dizendo que a pirataria e a internet vão acabar com as indústrias de entretenimento como gravadoras e estúdios de cinema. Na minha opinião, o que ocorre é uma necessidade dessas indústrias se reinventarem, e um dos exemplos que prova o quanto esse pensamento está certo é a série de jogos Guitar Hero.

Com seu início em 2005, a série pode ser considerada um dos principais fenômenos dos últimos tempos da indústria dos games, juntamente com o surgimento dos novos consoles. Com um gameplay já conhecido de séries como Dance Dance Revolution, Guitar Hero nada mais é do que um “simulador” aonde o principal objetivo do jogador é reproduzir determinados movimentos, como se tivesse tocando um instrumento musical. A grande sacada porém, está em oferecer ao jogador réplicas dos instrumentos, tornando a experiência muito mais divertida e próxima da realidade – e aqui vale uma observação: como não sou nenhum instrumentista de verdade, não sei até que ponto a experiência do jogador de Guitar Hero pode se assemelhar a de alguém que toca o insturmento real.

Mas falando em instrumentos reais, mesmo com umas réplicas bem legais, como essa aqui do Gene Simmons, do Kiss, já existem aqueles que, não contentes com as réplicas em miniatura oferecidas pelos desenvolvedores dos jogos, já fabricam as suas próprias baseadas em instrumentos de verdade mesmo, como podemos ver aqui.

Para quem incrivelmente ainda não ouviu falar do jogo, o trailer abaixo (em inglês) mostra um pouco mais sobre o game e seus instrumentos:

Aqui, um outro vídeo, mas com legendas em português, falando sobre o uso da bateria em uma das últimas versoes do jogo.

É complicado explicar em palavras como é divertido reunir a galera e ficar horas jogando, mas o fato de agradar pessoas de várias idades e de ambos os sexos (não necessariamente fãs de games, e sim das músicas) é mais um ponto a favor do jogo. Para quem não é muito acostumado a jogar videogame, pode ser um pouco complicado no início, mas com o tempo você vai pegando o jeito e o ritmo do jogo, e no final, quem sabe, pode acabar ficando que nem esse cara aqui embaixo…

Você pode ver outros vídeos desse verdadeiro virtuose de Guitar Hero aqui e aqui.

Além disso, muitas bandas como Aerosmith e Metallica, percebendo o potencial (leia-se: grana) envolvendo os jogos já lançaram versões oficiais com suas próprias músicas. Em setembro, o jogo concorrente de Guitar Hero, chamado Rock Band, promete lançar uma versão especial apenas com músicas dos Beatles (incluindo réplicas dos instrumentos como o baixo utilizado por Paul McCartney) o que faz com que eu já esteja juntando dinheiro pra comprar um novo videogame.

Então, finalmente… pra você que quer saber como se joga esse negócio ou ainda, está no escritório (ou na aula) e não quer esperar pra chegar em casa e jogar, a JamLegend lançou uma versão online no mesmo estilo do jogo original. Clique aqui ou na imagem abaixo para jogar Guitar Hero online agora e divirta-se!

JamLegend

 

ATUALIZAÇÃO (05/05):

Para quem não gostou muito da versão do jogo do link acima, aqui tem mais uma opção para jogar Guitar Hero online!

Guitar Hero Online

Anúncios

7 Responses to “Guitar Hero e a Revolução dos Games”


  1. 1 Karina
    30 abril, 2009 às 8:33 pm

    Suspeita para comentar…heheheh
    Aqui tem um link mto legal de demonstração da bateria do GH4 acompanhado de bateria real!

    Divirtam-se!

  2. 2 maio, 2009 às 12:20 am

    Muito bacana este post.
    Parabéns ao blog!

  3. 3 Karina
    3 maio, 2009 às 8:33 am

    GH Brazukas…sério…nem acredito q encontrei isso…só não baixei ainda pra ver se funciona!
    http://www.ps2advanced.com/2009/04/guitar-hero-3-brazukas-ps2-ntsc.html

    Mtoooo legal! Ae vai uma prévia do q é…agora é esperar se fazem um GHBrazukas com o Deeeeus da guitarra Chimbinha ou Victor e Léo! hahahaha

  4. 4 Karina
    3 maio, 2009 às 8:38 am

    Inacreditável…isso existe!

  5. 3 maio, 2009 às 4:04 pm

    Putz.. será que essas coisas são de verdade mesmo?
    Se forem, com certeza não são “oficiais” mas devem valer a pena…

    Ah, aproveitando pra dar um update no post… Na Superinteressante desse mês, noticiaram que além da versão dos Beatles de Rockband que eu mencionei, existem mais 8 novas versões de Guitar Hero previstas ainda para esse ano, entre elas uma versão só da banda Van Halen.

  6. 6 Karina
    4 maio, 2009 às 11:13 am

    Sim…as borboletas tb estão no GH!

  7. 7 Karina
    4 maio, 2009 às 8:57 pm

    Nunca comentei tanto num blog…mas para aqueles q procuram GH com músicas beeem diferentes, aqui vão alguns links bem interessantes:

    http://www.ps2advanced.com/2009/01/guitar-hero-2-sashimy-ps2-ntsc.html

    http://soft-games.blogspot.com/2009/04/guitar-hero-ii-guitar-hero-collection.html

    Aproveitem!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Baú

Parceiros

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui! LinkLog Uêba - Os Melhores Links Colmeia: O melhor dos blogs


%d blogueiros gostam disto: